Bêbado, repórter da Record é preso após bater em cinco carros e atropelar agente de trânsito e mais duas pessoas

Compartilhe em sua Rede Social
Segundo o site Notícias da TV, após receber atendimento médico, Paulo passou pelo teste do bafômetro que confirmou o alto teor de álcool no sangue…

 

O repórter Paulo Vitor Gomes, da Tv Record, foi preso após atropelar três pessoas no último domingo (23), na cidade de Brasília. Uma das vítimas é um agente de trânsito que tentou pará-lo durante uma blitz da Lei Seca.

Segundo a polícia, “Tatuzinho”, como é conhecido, estava visivelmente embriagado e tentou evitar a fiscalização. Na fuga ele capotou com o veículo, depois de atingir as três vítimas. Por sorte, todos sofreram apenas escoriações.

Segundo o site Notícias da TV, após receber atendimento médico, Paulo passou pelo teste do bafômetro que confirmou o alto teor de álcool no sangue. Ele foi detido e levado para a sede da Polícia Civil da cidade, onde passou a noite preso.

Na manhã dessa segunda-feira (24), deixou a unidade ao pagar fiança de R$ 3 mil. A Record se manifestou sobre o assunto, condenou a atitude irresponsável do profissional e afirmou que espera um “processo duro” sobre o caso:

“Poderia ter sido uma tragédia muito maior. Acreditamos na Justiça e esperamos que nosso repórter responda pelos seus atos em um processo isento e duro. E, com isso, repense a maneira de como usa um automóvel”, disse em nota.

Além de responder à Justiça, “Tatuzinho” também sofreu penalidade por parte da emissora que o suspendeu por 30 dias de suas atividades.

Portal Holanda

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *