Jovem bêbado atropela e mata adolescente grávida de seis meses em SP

Compartilhe em sua Rede Social
Bebê também não resistiu. Outras duas pessoas ficaram feridas, sem gravidade. Caso ocorreu em Praia Grande, no litoral paulista…

 

A estudante Bianca Rocha Silva, de 17 anos e grávida de seis meses de uma menina, morreu após ser atingida por um carro conduzido por um vendedor, de 23, embriagado, em Praia Grande, no litoral de São Paulo, nesta terça-feira (25). Outras duas pessoas também ficaram feridas, e o motorista, que tentou fugir, foi preso.

A polícia informou que Bianca era passageira de uma moto conduzida pela Via Expressa Sul, nas proximidades do bairro Trevo. O veículo foi atingido por um automóvel dirigido por Emerson Prisseban da Silva. Antes de fugir, ele também colidiu contra outra motocicleta, e mais duas pessoas caíram na pista.

Outros condutores pararam para prestar socorro e acionaram a Polícia Militar Rodoviária e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). As equipes chegaram e encontraram a jovem em estado grave. Ela foi conduzida ao Hospital Irmã Dulce, onde morreu horas após entrar na emergência. O bebê, que se chamaria Isis, também não resistiu.

Entre as demais vítimas, duas delas também foram assistidas pelas equipes na rodovia, mas não se feriram com gravidade e não precisaram ser encaminhadas ao pronto socorro. Um adolescente, suspeito de conduzir uma das motos, não foi encontrado no local do acidente, e a Polícia Civil ainda não o identificou para registrá-lo no caso.

Silva foi localizado nas proximidades por uma equipe da Polícia Militar, que desconfiou do carro dele por estar danificado. Ao ser questionado durante a abordagem, o vendedor admitiu que havia se envolvido em um acidente de trânsito momentos antes. Ele tentou fugir por estar sob efeito de bebida alcoólica.

No teste efetuado no motorista pelo etilômetro, equipamento conhecido como ‘bafômetro’, ficou comprovado que o vendedor estava com 0,94 g/L de álcool no sangue. Ele foi indiciado na Polícia Civil por embriaguez ao volante e por homicídio culposo ao volante, agravado por estar bêbado. Ele permaneceu preso.

O corpo da jovem foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Praia Grande para os exames de praxe. Segundo informações de familiares, o velório dela ocorreu nesta quarta-feira (26), no Cemitério Campo da Paz Celestial, no Jardim Rio Branco, em São Vicente. O sepultamento ocorre no mesmo local.

G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *